Suspensão

Performance AV, 2006/07

O que é:

Suspensão’ propõem a criação de um espaço-imagem/tempo distendido que é o resultado da manipulação em tempo real de imagens/sons previamente gravados e de imagens geradas ao vivo durante a apresentação da performance. De um modo geral trata-se de uma investigação sobre a possibilidade de expansão da imagem para dentro da própria imagem que resulta na criação de novas imagens e sons a partir de uma mesma imagem original. Para isso são criadas pequenas células de movimento que produzem, quando manipuladas, diferentes andamentos e ritmos que podem ser orquestradas formando uma peça, uma composição audiovisual.

A performance aqui proposta é um working in progress que se baseia no contraponto de uma ação física realizada em cena pelo performer, a de um salto, e na sua relação com imagens préviamente gravadas desta mesma ação num encadeamento que busca expandir e explorar os contornos da imagem original propondo a partir dela a criação de uma narrativa estética, em que os sentidos são instigados e os significados são sugeridos a partir de uma pluralidade de sons e imagens.

O papel do som:

A idéia principal é que as imagens é que componham o som de acordo com seu andamento, encadeamento e ritmo. Para isso esses sons que serão originados da prórpia imagem inicial e/ou de um sampler de uma música, de ruídos, etc… deverão, além de contextualizar e ambientar a apresentação, propor climas, criar tensões, tecer comentários e acima de tudo criar diálogos entre sí durante os momentos de improvisação.

A ação:

O peformer em cena é quem conduz, faz fisicamente e apresenta a ação inicial ao vivo para posteriormente explorá-la eletrônicamente. É ele, com seu corpo não treinado, que faz o contra-ponto entre o fugaz momento de sua suspensão real (a que se dá em cena) e a que se dá na distensão eletrônica realizada através do encadeamento das células produzidas pela manipulação ao vivo.

Exibições:

_Suspensão #1 – ON_OFF, Emoção Artificial 3.0. Instituto Itaú Cultural. São Paulo, Brasil.

Curadoria de Roberto Moreira.

_ Suspensão #2 – Exposição Interconnect@between attention and imersion.

ZKM – Zentrum für Kunst und Medientechnologie Karlsruhe. Alemanha.

Curadoria de Daniela Bousso.

_ Suspensão #3 – Projeto Multiplicidade. Oi Futuro. Rio de Janeiro, Brasil.

Curadoria de Batman Zavareze.

_ Suspensão #4 – Iº Festival de Curta-metragem de Direitos Humanos. São Paulo, Brasil.

Curadoria de Manu Sobral.

Trecho da apresentação de 'Suspensão' no ZKM, Alemanha.

Prêmio:

_6ª Prêmio Sergio Motta de Arte e Tecnologia – bolsa fomento, 2005.

Créditos:

_Criação, aplicativo e manipulação das imagens e sons em tempo real: luiz duVa.

_Software: Isadora.

Suspensão, vídeo partitura de Luiz Duva
Suspensão, vídeo partitura de Luiz Duva
Suspensão, vídeo partitura de Luiz Duva
Suspensão, vídeo partitura de Luiz Duva

Cartaz da apresentação no ZKM:

Partitura audiovisual criada para a performance:

Suspensão, vídeo partitura de Luiz Duva
Suspensão cartaz ZKM

Documentação na íntegra de 'Suspensão', Itaú Cultural, São Paulo, Brasil.

Documentação de 'Suspensão' via mix out do laptop, Itaú Cultural, São Paulo, Brasil.